quarta-feira, 24 de setembro de 2008

Mãos Dadas




Faúlhas da fogueira se extinguem
sob o sopro da arcaica litania
temores inconfessos se diluem
Nos acordes dissonantes da melodia

Fantasmas austeros sem esperança
Vislumbra-se nas chamas ardentes
Não se aperceberam da mudança
Que os torna da vida ausentes

Ecoam no castelo encantado
Os acordes mágicos do violino
Extasio-me no prazer inusitado
Libertando o meu ego felino

De mãos dadas ao destino
Caminho sob o céu estrelado
És o meu prazer divino
Que deixou de ser envenenado

10 comentários:

biazinha disse...

Que musicalidade, Blood!
O ritmo desse poema está fantástico!

Beijos.

Morgana La Folle disse...

"Secreto, o teu sorriso inquieto"

Esta frase buliu comigo! :)
Gostei do poema e do sítio.
Vou voltar muitas vezes (que poderão ser espaçadas porque eu sou uma netista um pouco doida e sazonal, como já sabe a Biazinha - que é uma Biazona, por sinal - mas venho!)

Dark kiss*

Morgana La Folle disse...

Guardei-te no meu castelo de Gore. No de Avalon não tenho mexido, não é blogspot e dá um trabalhão, mas um dia destes também lá vais parar :)

biazinha disse...

Excluí o meu blogue, mas a Bat sobrevive.

Beijos.

mariazinha disse...

Lindo, deu para me sentir no cenário e na atmosfera que recrias.

E o poeminha lá em cima, lindo também!!!

Beijo*

Valquíria disse...

Para quê crescer se deixamos de questionar e de apaixonar? Porque a realidade é o nosso abismo.

As tuas palavras apaixonantes fazem-me de novo acreditar naquilo que desaprendi.

Beijos.

MagnetikMoon disse...

Forte e melancólico querer que dança nas cordas de um violino ,que é vida e morte num só instante.Compreendo porque tb lido bastante c o violino:)

Magnetikiss

Blood Tears disse...

Biazinha, Beijos grandes e Buáááááááááááááá , eu adoro ler-te.... Ler o que escreves é aprender, é ver a vida noutra perspectiva.....

Morgana, :P , Hum, não sei se será aconselhável dizer "Bem vinda ao Clube" dos doidos e sazonais.... Acho que todos temos um pouco de louco e é muito salutar saber libertar a nossa loucura de uma forma saudável.... Sou de fases (não sei se será de ser sagitariana) e fiquei muito, muito contente por ter gostado do meu refúgio... Para mim é uma honra, já que admiro muito o que escreve.... Obrigada! E espero que goste das visitas.... Sente-se na poltrona e vai um café?

mariazinha, os cenários vão e vem, mas a spalavras ficam numa esterna dança... :)

valquíria, desaprendemos tanto que renasce continuamente no nosso íntimo.... HUG

magnetikmoon, não te sei explicar, ams o violino está sempre presente no meu imaginário... Assim como a Lua, a sua música faz parte de mim... ;)

Blood Kisses

Morgana La Folle disse...

Blood...!!!!???? :)

Se não me tratas por tu penso que me imaginas uma bruxa tipo a da Branca de Neve! :)))

Ainda bem que, mais do que perdoar, entendes o sazonal! São luas, por isso é que compreendes, tu, que tens aqui um lugar lunar!

Beijo*

Blood Tears disse...

Fata, lol, não, uma bruxa tipo a da branca de neve certamente que não... *gargalhada* Aliás, as bruxas são mais simpáticas e atraentes do que a maioria supõe... ;)

Beijos lunares